21 de jan de 2016

É Vida que Segue...



[...]

E a vida segue adiante
Sem mera necessidade
De muito compreendê-la
Ou desejar complicá-la
Sentindo cada gosto de lágrimas
Escorrendo pelos lábios
Ora  doces, ora salgadas

Deixar fluir o tempo
Que vai e vem com o vento
Semeando memórias
Levando existências
Trazendo outras vidas
Num barco abençoado
Que flutua em águas mansas

Viver tudo intensamente
A calma das horas
E a brevidade dos minutos
Cada dia que surge, é único
É um grato presente
É um novo recomeço
É vida que segue em frente

(Lu Nogfer)



16 comentários:

A Palavra Mágica disse...

É vida que segue e sabe onde vai, então quero ser seu seguidor, compartilhá-la e curtir cada momento que vier.

Beijo feliz por vê-la por aqui novamente!
Alcides

Cidália Ferreira disse...

Excelente poema. Parabéns!
Amo esta musica de qualquer jeito, cantada seja por quem for. Conhecia cantada pela Paula Fernandes que ADORO!

Sim... contra tudo e contra todos, a vida segue.

Beijo e bom fim de semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Jorge disse...

Magnifico poema...ainda bem qte regressaste, estava cheio de saudades tuas...
Beijinho, Lu

Jorge disse...

Lu, peço desculpa por mais um comentário, mas é só para dizer que se não me encontrares no intervalo, estou no umapausaparacafe.blogs.sapo.pt . Só não utilizo o link, porque só permites comentários a utilizadores com conta Google. Mas fica a informação.
Beijinho grande!

Gracita disse...

E a vida segue e nós seguimos com ela vivendo intensamente nossos momentos
Belíssimo poema Lu
Beijos

Lu Nogfer disse...

Ok Jorge! Muito obrigada pelas considerações do aviso, amigo. E venha como e quantas vezes desejar e seja sempre bem-vindo!
Grata pela companhia!
Beijinhos.

ReltiH disse...

TIENES TODA LA RAZÓN.
ABRAZOS

Jaime Portela disse...

A vida vai seguindo, mas cada dia é mesmo único e irrepetível.
Excelente poema, minha querida amiga, gostei imenso.
Bom domingo, Lu.
Beijo.

Patrícia Pinna disse...

Boa noite, Lu.
Pois é, vida que segue,precisa seguir, triste ou feliz.
Nossos dias precisam de essência, passar por dores faz parte da vida que é dual.
Parabéns.
Beijos na alma e linda semana.

Sotnas disse...

É um sábio e deveras pensar Lu, grato por compartilhar e pelas belas imagens cá postadas, agradecido também por lá passar e carinhosas palavras deixar, abençoados dias pra ti, abraços!

Jaime Portela disse...

Gostei de reler o seu excelente poema.
Bom fim de semana, Lu.
Beijo.

Labirinto de Emoções disse...

Olá LU
Não há dois dias iguais e há que saber vive-los em pleno.
Adorei o poema..;))
Beijinho
Teresa

Jorge disse...

Muito obrigado, lindona! Já falta pouco para regressar, mas enquanto não volto, vou brincando com o nosso amigo PDR (pequenos delitos renovados), que me parece ser uma pessoa fantástica!

Beijinho doce, querida!

:))

Lu Nogfer disse...

Olá Jorge!

O PDR é uma pessoa fantástica, sim! Um blogueiro autêntico e atencioso como você!
Nos acompanhamos ja ha um bom tempo. Desde o Blog da Lu e o blog antigo dele que era apenas de poemas... Ops!Apenas nada... Essa palavra nao cabe num poeta de versos tao intensos como o P. 
Mesmo tendo mudado de gênero como blogueiro, administrando um blog sensualíssimo, continua com a mesma intensidade no jeito de versar... Além da grande pessoa que é, é um poeta incrível e que ja deveria ter escrito um livro para as nossas cabeceiras.rs

Sabia que ia gostar do blog apimentado dele. Sou um tanto tímida pra comentar lá (comento pouco)mas tambem gosto. E atire a primeira pedra quem nao gosta né não?! hahaha.
Estão vamos acompanhando a brincadeira por lá que está cada vez mais picante e divertida! Afinal a vida precisa disso para se equilibrar! ;))

Estamos te aguardando querido amigo sem pressa mas seja bem-vindo sempre.
Grata pelo carinho!
Beijocas!

Elvira Carvalho disse...

Bonito poema Lu. A vida é assim mesmo.
Um abraço

SOLIDARIEDADE disse...

Uma Ode a alegria de ser jovem e otimista. A tua cara, querida Lu.
Beijos de sempre.