12 de mar de 2014

Momento de Paz



















"Ela estava ali,
Naquele momento de paz.
Silenciosamente!
Um olhar para além do limite
Do espaço onde se encontrava.

Lembrou-se de um recente fato
Que a fizera rir com intensidade...
Por alguns minutos, refletiu...

Que lágrimas nem sempre significam choro,
Pois sorrir de verdade também faz os olhos
Lacrimejarem de felicidade.

Que nunca se sabe quando a alegria chega
Com a capacidade incrível de tudo reverter

Que cada momento que chega em silêncio
É uma caixinha de surpresa.

Que andar em marcha à ré
Nem sempre significa retroceder.
Pois talvez seja preciso curvar a esquina
Que ficou a um passo atrás...
A um passo de ser feliz!

Ela continuou ali,
Por alguns minutos,
Com ar de riso,
Olhar tranquilo,
Pensativa...
Além do limite!"

(Lu Nogfer)






21 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Bom dia

Adorei ler este maravilhoso poema..E a musica é fantástica, parabéns pela escolha

Beijos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

sabe vida disse...

São momentos como este que todos precisam, inclusive para escrever este cativante momento poético teu.
Abraço, Lu.

Gracita disse...

Bom dia Lu

A sensação de estar bem e feliz. Isso é tudo de bom e nos deixa leves como uma pluma.

Ps. Você me deixou um recado me perguntando se recebi seu e-mail. Não chegou e-mail seu minha flor. Caso queira falar comigo use o ffragaffraga@gmail.com

Tenha um dia lindo e abençoado
Beijos

Samuel Balbinot disse...

Bom dia Lu.. se todos pudéssemos parar 15 minutinhos por dia, antes de dormir que fosse e ter este silêncio, deixar tudo fluir de nós, se entender a paz seria para o dia todo não só os poucos momentos que nos doamos em busca de algo mais.. bjs de bom dia e até sempre amiga querida

ReltiH disse...

UN TEXTO ESPERANZADOR DE PAZ.
BESOS

Dorli disse...

Oi Luz
Uma linda poesia
Grande inspiração
Beijos
Lua Singular

Antonio Lopes disse...

Realmente,às vezes nos pegamos viajando para o passado,para felicidades vividas.Saudades boas...gostei do teu poema,é muito bom vir ao teu blog..beijos e feliz dia da poesia..

MARILENE disse...

Alguns minutos e sábias reflexões. A paz vem da sabedoria. Lindos versos, Lu. Bjs.

Vall Nunnes disse...

Olá Lu, começo agradecendo o apoio fundamental para nós pessoas que escreve.Obrigada e não deixe de ler Desengonçada!
Sua poesia diz TUDO.
Somente a serenidade num momento de paz traz a clareza das coisas e sues reais sentidos. Como é bom reviver e compreender a vida.
Abraços!

A Palavra Mágica disse...

Lu Maravilha,

Um momento de paz nos revigora.

Momento de paz não, na verdade o que nos revigora é termos esse momento para refletirmos que estamos em paz, porque a correria do dia a dia muitas vezes não nos permite isso.

Linda música!

Beijos!
Alcides

R. Vieira disse...

Que belo poema Lu!
Lindo e profundo! =)

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

As vezes
a magia
da alegria
se revela em momentos assim,
onde a alma vê a vida
com olhos de encontro,
e as mãos acariciam
a alegria,
com mãos de esperança...

Ser feliz é fazer a vida de alguém
intensamente feliz.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

E são tão doces e cheios de paz esses momentos em que olhamos para dentro de nós. Lindo sempre ler-te.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Bandys disse...

Lu,

De uma sensibilidade a flor da pele. Belo!

beijos

Rosemildo Sales Furtado Furtado disse...

Momentos de reflexão se fazem necessários, pois é através deles que vemos nossos erros e acertos; Lindo amiga! Parabéns!

Beijos e um ótimo final de semana para ti e para os teus.

Furtado.

Daniel Andre disse...

Menina, que beleza de escrita. Li, reli e estou até mais leve. Esses dias foram tensos pra mim, devido alguns acontecimentos. Li e senti-me bem, na mais perfeita paz.

"Que lágrimas nem sempre significam choro,
Pois sorrir de verdade também faz os olhos
Lacrimejarem de felicidade."

Na verdade nem sempre chorar, significa entrar em estado de drama. Chorar pode ser uma admiração, pode ser de amor entre outras coisas boas. Chorar, é se libertar. Portanto, quando me vem essa vontade, choro mesmo, rs!

Fique sempre na paz querida.
Abração
Dan.

Daniel Andre disse...

PS: Solte as amarras, é lindo ! Parabéns garota !

Lu Nogfer disse...

Só agora deu pra vir, Dan! Precisei sair. rs

Que bom que vc gostou desses versos, meu amigo! Foi escrito mesmo num momento de plena paz e que bom que também lhe trouxe paz nesse momento.
Passamos por momentos difíceis, mas quando temos tamanha fé em Deus, sempre nos recuperamos, não é mesmo?

Eu tb gosto mais desta parte que você ressaltou. Minhas lágrimas tem sido, muito mais de emoção!
Quanto as lágrimas masculinas, acho que tem que ser assim mesmo como disse. Esse papo de que homem não chora é coisa do passado que muitos pais erroneamente puseram na cabeça dos filhos. Passado que aliás nem deveria ter existido, pois ajudaram na formação de muitos homens "durões" que existem por ai ensinando os pequeno esses mesmos descaminhos, não é verdade? Não sabendo que com as lágrimas, é que melhor aprendemos a nos libertar. A mulherada que o diga. É um alívio!rs

Acredito que a maioria dos poetas não ligam pra essas coisas do passado. Pois são sensíveis o suficiente para deixar que as lágrimas os libertem, seja na "dor", seja na emoção.
Eu admiro os homens que admitem chorar, então hoje eu te admiro mais. rs

PS: Que bom que gostou do poema que deixei como comentário em homenagem a tua grande obra. Logo eu que ando me controlando ao comentar nos blogs!
Depois que deixei, fiquei pensando se fiz bem, mas ai já havia deixado. rsrs
Eu é que lhe parabenizo por tão lindas poesias que nos proporciona a ler e a aprender tantas coisas da vida numa emoção só!
Muito Obrigada e parabéns a você, garoto talentoso.

Seja qual for o momento difícil, espero que ja esteja tudo bem, doce Dan!
Desejo-lhe tudo de bom e muita paz e luz em teu lindo coração.

Some da blogosfera não viu? Pois sentimos muito, a tua falta!
Um abraço bem apertado e fique com Deus!



Lu Nogfer disse...

GRATA A TODOS PELAS PALAVRAS TÃO CARINHOSAS!

BEIJOS E UMA LINDA NOITE ENLUARADA!
A LUA ANDA LINDA, LINDA POR AQUI!

Daniel Andre disse...

Lu, você é muito querida, por mim, e pela imensa blogosfera, acredite. Por mim, pode comentar(falar, rs) a vontade. Como sou levemente gago, acabo "escrevendo pelos cotovelos", rs. Estou de férias, e tirei pra resolver tantas coisas, que descanso mesmo nada. O legal é que me matriculei em curso técnico na Estácio. Estava sentindo a necessidade de aprender algo novo. A principio pensei letras, mas seriam 4 anos, e terminaria a faculdade com 36 anos. O resto está tudo ótimo. E sua mãe, está bem ? Beijão querida, até !
: )

Lu Nogfer disse...

Acredito sim meu amigo! Muito obrigada, viu! Mas mesmo assim tento tomar um certo cuidado porque quando uma leitura me toma por completo, ela me faz refletir de uma forma que eu ainda não consigo controlar. As vezes eu nem comento por isso.
Quanto a vc, obrigada pela carta branca que eu prometo não abusar!rs

Mas que bom que esta de ferias do trabalho e aproveitando para estudar. Que estudioso hein!rs Isso é muito bom mas descanse e divirta-se também. É preciso!

Minha mãe esta bem, sim, obrigada.
A nossa paciente(minha sogra) é que esteve internada por alguns dias, mas foi só um susto! Ela já esta em casa e melhor, graças a Deus.

Muito obrigada pela doce presença e pelo carinho, meu querido amigo.

Beijo grandão pra você e até!