11 de out de 2013

Ser Criança.♫


Ser criança...
É esbanjar o sorriso sincero
É chorar sem medo
Quando der vontade
É ter o coração inocente
E cheio de amor e bondade


Ser criança é sonhar colorido
No mundo do "faz de conta"
Ser o mocinho e nunca o bandido
É dar asas a imaginação
É desenhar uma estória em quadrinhos
E pintar com as cores da emoção

Ser criança é ficar radiante
Por qualquer motivo
É ter os olhinhos brilhantes
Toda vez que ver um arco-íris
É tão bom ver todas as crianças
Cheias de esperança e felizes.
(Lu Nogfer)
Trecho de uma canção infantil composta em 2006 para os meus pequeninos alunos.





Todos temos uma criança por dentro. E por vezes é preciso libertá-la para que o mundo fique mais colorido e a vida, mais leve. Portanto, sorria feito criança!

Beijinhos carinhosos da criança que vive em mim para criança que vive em ti!

A todas as crianças do mundo, o meu desejo de um lindo e feliz Dia da Criança! Hoje, amanhã e sempre!

23 comentários:

Dorli disse...

Oi Lu
Há sempre um pouquinho de criança em cada um de nós. Que não deixemos essa criança morrer.
Sua poesia é um encanto
Beijos
Lua Singular

Daniel Costa disse...

Lu

O poema e todo ele pedagogia, da melhor. A tua postagem é de ternura tão bela. Dá aso a que se repita: devia sempre ficar em nós, um pedacinho da criança que nós fomos.
Beijos

Cidália Ferreira disse...

Boa noite Lu Nogfer

Lindo maravilhoso este poema sobre as crianças,que são o melhor do mundo...
Musica maravilhosa também..

Feliz dia da Criança

beijo

Bom fim de semana.
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Adriana Helena disse...

Oi Lu, tudo bem querida?
Eu que tenho que agradecer a sua presença sempre tão cheia de carinho lá no blog amiga!

Fico encantada com sua delicadeza!
Mas olha, eu passei só rapidamente no Atitudes.. tenho que ir lá bem devagarinho viu? :)))

Mas passando aqui, fiquei toda emocionada com a sua poesia homenageando as crianças!
É lindo, a alma infantil está muito bem representada!
Tenho uma inveja boa de vocês poetisas, que conseguem se expressar tão bem, usam palavras e versos tão concatenados e repletos de sentimentos!
Digo isso porque até já tentei rascunhar algumas palavras, mas saíram muito estranhas...hehehe É só para quem tem talento mesmo, então deixemos para vocês que são mestras! :)))

E a música? Encerrou com chave de diamante! Você não poderia ter escolhido uma mais linda para representar o dia das crianças!!

Adoro sempre, obrigada por tudo!!
Beijos enormes e um maravilhoso dia das crianças poetisa!!
Curta muito!

Moacir Willmondes disse...

Coisa mais bela não há.

Abraço, Lu!

Larissa Marilia disse...

Lindo Lu!

Você deixa transparecer tanta delicadeza em teus versos que nos encanta... Beijos!

Solange disse...

Olá!
Uma doce postagem...amei!
Beijos
Sol

Samuel Balbinot disse...

Boa noite Lu.. que possamos voltar a nossa essencia que é ser criança.. o cotidiano leva esta pureza para um esconderijo dentro de nós.. e só nos damos conta de que temos perdemos este tempo maravilhoso com as frustraçoes que a vida nos dá.. que as crianças de hj possam ser melhores e nos melhorar tb.. bjs linda noite

Lu Nogfer disse...

Oi Adri,

Eu não costumo responder O comentários nos blogs. A não ser a primeira visita e alguns que me atiçam como o seu, agora!rs

Primeiro, muito obrigada pelo carinho, menina linda!Obrigada também pela visita ao Atitude. Já respondi teu comentário lá, viu?

Mas me diga amiga, como assim umas palavras estranhas?rsrs
Já que você abordou o assunto, me deu vontade de falar um pouquinho sobre isso!
Você escreve muito bem e como muita precisão e analise.O teu blog é otimo!
Eu não entendo tão bem não, mas percebo que o seu dom é prosa, crônicas...Eu viajo em textos assim, pois afinal tudo é arte e muitas vezes há muito lirismo e poesia embutida nesses tipos de escritas. Depende muito da imaginação de quem escreve.
Quanto as suas tentativas de versejar, nunca veja como estranhas. As vezes, o que é estranho pra gente, é o máximo pra quem ler! Portanto quando a inspiração chegar, renda-se a ela. Como nem sempre estamos a postos, vá guardando tudo numa pastinha só pra isso. Eu antigamente guardava numa agenda que ja não tem páginas em branco. Ops!Em branco não, em bege kkkkkkk. Hoje, guardo no Pc mesmo. Uma coisa essa modernidade, né não?!rs
Mas como estava dizendo, guarde todas as expressões e depois volte as mesmas. Mas volte sem pressa. Sem exigir de você mesma ou seja, da inspiração! E vc vai ver como vai olhar suas palavras com outros olhos e vai conseguir escrever belas poesias e quem sabe, criar um blog só para elas, hã!?
O bacana é que a poesia simples, só precisa de sentimentos. Rimas embeleza sim mas nem sempre é necessário.
Hoje eu publiquei um post que estava no rascunho há um tempinho pra terminar. Havia até esquecido dele! Postei hoje mas deixei na data do rascunho. O link se encontra em uma das abas do blog , na barra de guias com o titulo: "Sobre o Blog". Quando tiver um tempinho, veja lá o que eu falei sobre essa tão desejada inspiração, só pra eu não alongar ainda mais, aqui, ok? Espero que goste!

Quanto a tudo que disse, nao pense que seja grande sabedoria não, é so minha visão de leitora calejada deste mundo poético que amo de paixão!

Obrigada de novo, doce amiga!

Beijo grande!

-------------------------------------------------------------------

OBRIGADA A TODOS PELA PRESENÇA SEMPRE TÃO CARINHOSA.

FELIZ DIA DA CRIANÇA A TODOS! DIVIRTAM-SE E SORRIEM COM ELAS!

UM FORTE E CARINHOSO ABRAÇO!

Lu Nogfer disse...

Larissa,

Muito obrigada pela visita e pelas palavras tão carinhosas! Que bom que gosta dos meus versos simples!
Bem vinda-aqui, viu.
Passo amanha para lhe visitar, amiga!

Beijos!

ReltiH disse...

MUY BONITO POST. ME GUSTA.
BESOS

MARILENE disse...

Comemore bem o seu dia, Lu! A criança que mora em seu coração está desperta. Ficou fofa sua postagem. Crianças sempre nos emocionam. Bjs.

Lu Nogfer disse...

Marilene!

Tenho motivos para comemorar o ano inteiro, porque apesar da vida me tornar adulta demais nos últimos tempos por circunstancias que não prevemos, minhas gargalhadas de criança prevalecem. Imagine se fosse o contrario?! Ui Deus me livre!rsrs
E que vc tenha motivos suficiente para comemorar tambem!

Beijos!

PS:Ah!Ja ia me esquecendo e acho que vc vai gostar de saber! A mamãe chega amanhã pra passar uns dias comigo. Ela está muito bem e eu mt feliz por isso! Pena que não seja hoje, no dia da criança, né?rs

Marcia disse...

Quanta delicadeza de poema amiga!É bem vc!
Te conhecendo pessoalmente, sei que esse sorriso grandão e verdadeiro é a tua marca. E como um dia vc me falou que foi com as crianças que vc aprendeu a enxergar a cada amahecer uma cor diferente e mais alegre, hj te digo que foi com vc que aprendi a sorrir mais e a nao ver os meus problemas com lentes de aumento!
ENTAO FELIZ DIA DA CRIANÇA PRA GENTE QUE TEM UMA POR DENTRO E AINDA SE ALEGRA COM CADA SORRISO DELAS.

Beijos amiga.

Severa Cabral(escritora) disse...

BOA NOITE !!!!!!!!!!
A CRIANÇA QUE EXISTE EM MIM SAÚDA A CRIANÇA QUE EXISTE DENTRO DE VOCÊ...
FELIZ DIA DAS CRIANÇAS !!!!!!!

Patrícia Pinna disse...

Boa arde, Lu. Seu poema é muito bonito, retrata bem demais o que é ser criança, como devemos agir, ou seja, não nos programamos, vivemos com a naturalidade dos segundos que aparecem para nós, isso é perfeito.
Assim como as crianças de corpo e mente ainda a amadurecer, com pura inocência, tenhamos também solta em nós, a criança tão bela, que faz florescer a nossa vida sem tantas queixas, e sim, liberdade!
Beijos na alma e parabéns!
Tudo de bom!

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

O futuro são as crianças, são a nossa continuação na memória do tempo.
Um poema lindo como o sorriso de uma criança.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Milton Kennedy disse...

Oi Lu Nogfer, um pouco atrasado feliz Dia das Crianças pra a criança que ainda reside em vc!
Abçs.

Luís Pinto da Silva disse...

A leitura dá vontade de ser criança :)

http://planopalavras.blogspot.pt/

Patrícia disse...

Amiga, q mensagem mais linda, pura e inocente, ser criança é a fase mais gostosa da via, por isso q nunca podemos deixar nossa criança interior deixar ficar adormecida. Bjkas no seu coração de criança

Sotnas disse...

Olá Lu, e que tudo esteja bem!

Um belo escrito, e deveras intenso, assim como é ser criança!
As imagens também são belas em cumplicidade com o escrito que com sensibilidade e bom gosto você compartilha cá com os amigos neste teu belo e agradável espaço!
E grato por compartilhar, e por tuas gentis visitas e amizade eu desejo que seja sempre tão intenso e feliz o teu viver, um grande abraço e, até mais!

Adriana Helena disse...

Lu, boa tarde querida!
Nossa, que resposta motivadora ao comentário querida!
É óbvio que quando tiver um tempo mais livre, sem pressões, vou correndo buscar inspiração lá no seu cantinho,na aba "Sobre o Blog" Preciso ao máximo de aulas, de teorias... deve ser lindo demais!
Mas como disse no comentário original, creio que devo deixar essa tarefa para vocês, poetisas... Desculpe, mas creio que me falta o dom maior para isso: a sensibilidade latente!!

Mas quem sabe o dia de amanhã, não é mesmo? rsrsrs
Amiga, adorei tanto ter respondido!
Sabe, é bom demais quando se abre uma exceção!Tudo aqui é inspirador e lindo!
Beijos minha linda e é claro que vou publicar o se comentário lá no Blog! Creio que a melhor parte dos blogs é essa interação espontânea, gostosa que a gente faz e sente não é mesmo?
E você é muito natural, muito transparente quando escreve! Gosto assim, carregadinho de sentimentos como é e jamais deve mudar neste sentido! Obrigada minha querida!
:)))) Beijinhos!!

Lu Nogfer disse...

Boa tarde, doce Adriana!

Pois é amiga, eu tb gosto de ler tudo sem me pressionar. Correria não deixa a gente prestar atenção no que lemos, né? Mas la no post sobre o blog eu não disse nada demais sobre a inspiração não.Apenas que ela nos joga no deserto quando não nos dispomos a ser borboletas ou pássaros. ô mocinha mais cheia de vontade!rs
Mas fica valendo o que te disse aqui. Guarde as "estranhas" expressões aos seus olhos, que lhe surgirem porque a Inspiração é dona das rodovias de mão dupla. Ela vai e vem constantemente.

Obrigada eu pelas palavras sempre tao carinhosas.

Beijocas.