1 de ago de 2013

Sensível




















Sinto um ar de mistério
Neste teu olhar distante
Sinto qualquer coisa
Nesta tua voz estranha
Este teu calor
Me causa arrepio
Este teu frio
Me dá agonia
Não é ironia...
É esta mania
Só minha
De querer sentir
Os teus sentidos
Nesta minha pele...
Sensível

(Lu Nogfer)
Reciclagem de agosto de 2009


21 comentários:

Gracita Fraga disse...

Oi Lu
Lindo e de uma sensibilidade profunda. Hoje vim te convidar para conhecer meu novo espaço virtual. Será um prazer te receber para um brinde. Para acessar minha nova casa click aqui ”Casinha da Poesia”
Beijos com meu especial carinho
Gracita

Patrícia disse...

Amiga q intenso kkkk adorei
Bjs

Marcia disse...

Ual que intenso e sensivel amiga!Desse poema eu nao me lembro e parece ate que fui eu a escrever!Alias acho que toda mulher tem essa mania de sentir o sentido do amado na pele. Eu vivo tentando advinhar o meu!kkkkk.
Lindo Lu e musica uma delicia a imagem misteriosa!Parabens pelo belissimo post!

Beijo

Ricardo- águialivre disse...

Bom dia Lu Nogfer

Um poema lindissimo, intenso, profundo, arrebatador

Adorei

Fique feliz
*********************
Querendo, visite-me

http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Bandys disse...

Lu

Não estava conseguindo comentar aqui..

O amor que fala mais alto, grita no silencio

Belo

Beijos

Samuel Balbinot disse...

Bom dia Lu.. a sensibilidade que nós homens tanto temos de buscar... somos muito mentais e por vezes deixamos de lado esta parte que tanto deve ser vivida para tudo aflorar nas nossas vidas com a pessoa amada.. muito bem escrita a poesia e rimadinha por sinal sempre né.. bjs e um lindo dia e
não assusta não com meus sonetos rsrs tenho de tudo um pouco e apesar de muita gente medrar eu amo falar no tema rsr até sempre minha amiga

Lu Nogfer disse...

Bom dia Samuel!Muito obrigada amigo!

E quanto ao susto, foi so uma brincadeira para dar continuação aos demais!(rss) Como disse lá, vc é um poeta que tambem sabe ser lúcido.Gosto disso! E gosto de sua intensidade e diversidade nos poemas. É por isso que estou sempre por lá: pelo teu pé no chão e o outro na lua. Temos isso em comum.rs

Beijocas!

Lu Nogfer disse...

Sério Bandys? Ah esse Blogger!!!
Que bom que vc continuou tentando, amiga! Obrigada.

Beijos!

Evanir disse...

Com muitas saudades depois de uma pequena ausência
estou voltando para agradecer seu carinho comigo
eu entendo ,que a amizade é eterna quando somos amigos de verdade.
Nessa ausência pude compriender o quanto
sua presença enche minha vida de esperança.
Esta sendo difícil passar por mais essa fase
da minha vida.
De sorte a minha fé é inabalavel por maior ,
que seja minha luta procuro ser cada dia mais forte.
Eu ainda não sei de onde vem minha força,
mais acredito , que vem do Alto Dos Céus.
Onde as estrelas e os anjos me cobre de paz e de luz
restaurando assim minha vida.
Com muito carinho deixei um premio na postagem
caso gostar leve por favor.
Deus abençoe seu final de semana.
com carinho e minha amizade pra sempre.
Beijos no coração e na sua alma.
Evanir.

Braulio Pereira disse...

oh........Encanto

delicia . ternura. doce alma.


bom domingo


beijos.

Ghost e Bindi disse...

Oi Lu, o desejo de quem ama é ser um, unir sentimentos além dos prazeres fisicos, alma e coração, como numa canção de amor.

Ghost e Bindi

Vera Lúcia disse...


Lindo, LU.
Um poema de grande sensibilidade.
Creio que nada escapa ao sentir atento daquele que ama intensamente.

Beijo.

Lu Cidreira disse...

É para deixar qualquer ser humano eufórico, sentir essas sensações é de tirar o fôlego.
Muito intenso mesmo.
abraço

MARILENE disse...

E viva a sensibilidade! Melhor viver assim, deixando fluir as emoções. Bjs.

Bandys disse...

Lu,

Te reler é muito bom

beijos e um bom final de semana

Cidinha disse...

Olá, Lu. Belissimos versos!! Admiro tanta sensibilidade e delicadesa. Lindo tudo aqui! Quero agradecer a carinhosa visita e desejar uma linda tarde de domingo. Obrigada amiga! Feliz semana. Bjs!

Lu Nogfer disse...

Eu é que agradeço a doce companhia, amiga.
Seja muito bem-vinda nesta casa!

Ótima semaninha pra voce tambem.

Beijos.

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite

Bela sensibilidade...
vou comentar no geral, tá?
...penso que a sensibilidade reside dentro de cada um de nós e obviamente se expressa de maneiras diferentes. Mas, em linhas gerais, algumas pessoas, tem este "sentimento" , sem dúvida, mais aguçado. Alguns dizem que essas sensibilidades nos levam a iluminações. Você compreende a vida/relação/pessoas/amor de outra forma, vê as coisas de outro ângulo, muitas vezes ocultas, imperceptíveis, mas que podem influenciar as nossas vidas e bem...pelo menos assim ficam abertas as portas da percepção.... ...por isso gosto quando a sensibilidade só foi isso mesmo, sensibilidade...
Obrigado pelo carinho da visita
Beloiníco de semana
Beijos

AC disse...

As palavras libertam-se, em harmonia...
Muito belo, Lu, adorei.

Beijo :)

Daniel Andre disse...

Luzinha (rs, posso?)

Bela poesia! Simples, objetiva e sensivel.

Acredite: existem homens sensíveis nesse mundo.Eu sou um deles. Mas não é aquele sensibilidade de ficar chorando pelos cantos etc... até choro quando é preciso. Minha sensibilidade, é de admirar coisas simples e esquecida por nós. Coisas de um cara doido como eu.

Grande beijo menina lindona.

Dan
http://gagopoetico.blogspot.com.br/

Lu Nogfer disse...

Claro, menino Dan. Adorei rs. Fique a vontade e obrigada pelo doce afago na alma! Fico feliz que tenha descoberto meu combustível:carinho. Esses dias bem que estou mesmo precisando! Esse Dezembro está sugando meu motor!rs

Belíssimas as tuas palavras, menino! Vc é mesmo um cara muito sensível. Continua com essa doidera boa.rs

Obrigada de novo pela doce amizade, viu!

Beijos, doce Dan.